Sempre verifique o nível do fluido com o motor do veículo
em funcionamento (com exceção da linha HONDA), a alavanca
em PARK (P) (exceto os veículos DODGE e MITSUBISHI cuja
alavanca deve permanecer em neutro com o freio de
estacionamento aplicado), e com o motor na temperatura
normal de funcionamento. Remova a vareta de nível e limpe-a
com um pano livre de fiapos. Insira novamente a vareta
totalmente e remova-a. Verifique OS DOIS lados da vareta
para ver se indicam a mesma coisa. Repita o processo.
A razão para se verificar os dois lados da vareta é que
após o fluido circular através da transmissão, ele cai de
volta na região do cárter e causa uma agitação do fluido.
Isto cria uma marcação desigual e algum fluido “balança”
pela vareta dando uma leitura falsa. Algumas transmissões
são piores que outras nesta questão.
Nota: Se você verificar o nível de fluido após desligar o
motor por algum tempo, o fluido proveniente do conversor de
torque retornará na região do cárter onde o nível é medido
e dando a você uma falsa leitura de nível alto. Quando o
motor é acionado, o fluido na região do cárter é utilizado
para carregar completamente a transmissão e o conversor de
torque. Também, a diferença na temperatura do fluido
afetará a medição. O volume do fluido expande quando
aquecido à temperatura de trabalho.
Um outro método de verificação do fluido é desligar o motor
e imediatamente medir o nível. Isto neutraliza a agitação e
dá um nível correto (sem agitação) antes do fluido
proveniente do conversor de torque ter a chance de retornar
ao cárter, o que daria uma leitura incorreta do nível.
Dica: Se você adicionou fluido, repita o procedimento,
porém repita o processo várias vezes antes de obter a
leitura final. O fluido adicionado adere à parede do tubo
da vareta e poderá dar uma leitura incorreta de nível.
Dica: Se o nível de fluido estiver baixo, você está diante
de um vazamento! As transmissões automáticas não consomem
fluido. Identifique e repare o vazamento a fim de evitar
problemas mais sérios com a transmissão.
Após haver adicionado fluido, dirija o veículo por 3 ou 4
quilômetros e então verifique o nível novamente. Isto é
especialmente importante em veículos com tração dianteira.

Procurar Dica

Entrar / Login

Agendar Revisão